fbpx
Notícias

As tendinopatias são a principal queixa nas consultas ortopédicas, sendo bastante comuns tanto em atletas como em trabalhadores.  São caracterizadas por dor e perda de função relacionadas a algum tendão do corpo (patelar, Aquiles, tríceps, manguito rotador…), algumas vezes acompanhados de inchaço.

Suas causas são variadas – idade, sobrecarga na atividade física, erros de técnica, uso de medicamentos, doenças sistêmicas, entre outros. Seu diagnóstico normalmente é feito através da anamnese e exame físico, com a ultrassonografia e a ressonância magnética complementando a investigação.

Dentro das opções de tratamento, a abordagem inicial inclui o uso de anti-inflamatórios, repouso e gelo, bem como fisioterapia com foco no fortalecimento excêntrico. Outras abordagens incluem o uso de corticoides e Terapias de Ondas de Choque, com muitos estudos em desenvolvimento sobre células tronco e terapias genéticas.

Entendendo as diferenças:

Tendinopatia

Termo abrangente que significa dor e perda de função de algum tendão, podendo estar associado a inchaço.

Tendinite

Atigamente usado como sinônimo de dor no tendão, porém só é adequado quando existe inflamação associada.

Tendinose

Utilizado em casos degenerativos sem sinais inflamatórios (por exemplo, em um tendão espessado e dolorido, porém sem inchaço ou calor local).

Está com dores em algum tendão? Não deixe de consultar um especialista.

Dr. Paul André Alain Milcent (CRM/PR 29.491) é médico ortopedista, especializado em Traumatologia Esportiva e Artroscopia do Joelho.

Deixe uma resposta