fbpx
Notícias

A dor na região do pescoço

A dor na região do pescoço afeta cada vez mais pessoas. Muitas vezes pode estar diretamente relacionada ao surgimento de uma hérnia de disco na coluna cervical. Aos primeiros sintomas deve-se procurar uma avaliação com o medico especialista na coluna vertebral, em especial quando há presença de formigamento e perda de força tanto nos membros superiores quanto nos membros inferiores, pois isto pode significar uma compressão de suas estruturas nervosas na altura da coluna cervical.

Protese disco cervical curitiba

Quando não se obtém sucesso com o tratamento conservador com medidas de reabilitação e medicamentos para alivio da dor, a cirurgia pode se tornar uma opção.

A cirurgia da hérnia de disco com substituição discal que mantem a mobilidade é a cirurgia com colocação de uma Prótese de disco cervical.

O grande benefício desta técnica é manter a mobilidade da coluna e reduzir as degenerações e a sobrecarga nos discos próximos a cirurgia. Estudos mostram que esta degeneração apresenta uma relação com a cirurgia tradicional de fusão da coluna cervical.

Contra Indicações da Prótese da Disco Cervical

Mas esta cirurgia não é para todos os pacientes e deve-se individualizar a sua indicação. Alguns fatores contra-indicam a colocação de uma prótese, tais como:  a presença de grandes deformidades na coluna cervical; e a presença de grande artrose na articulação que não permite a movimentação da coluna antes da cirurgia.

A cirurgia da prótese é uma alternativa segura, eficaz e estudos científicos mostram que os resultados são superiores a cirurgia tradicional de fusão (também conhecida como artrodese). Em alguns países como os Estados Unidos já é o padrão de tratamento para pacientes que tenham uma ou ate duas hérnias de disco na coluna cervical.

protese disco cervical

Vantagens  da Prótese da Disco Cervical

As principais vantagens são: Preservar a mobilidade do pescoço e isso é muito importante para pacientes que cada vez mais querem fazer mais atividades e desejam manter sua mobilidade preservada e ativa; Menor numero de re-operações tendo em vista que degenera menos os outros discos que estão próximos a área operada;  menor necessidade do uso de medicamentos analgésicos que combatem a dor no pos-operatorio proporcionando um retorno precoce as atividades habituais do pacientes; não necessita do uso de colar cervical fazendo com que o paciente se sinta mais independente.

A adequada indicação deve ser avaliada pelo seu médico e juntos vocês poderão planejar o melhor tratamento e a melhor opção para o seu caso.

Procure um especialista

Dr. Alynson Larocca Kulcheski- CRM 24934. Membro da Sociedade Brasileira de Ortopedia e Traumatologia (SBOT), Membro da Sociedade Brasileira de Coluna (SBC) e Membro da Sociedade Brasileira de Coluna Minimamente Invasiva (SBC.MISS)

Deixe uma resposta